Regulamento de pousada: pontos que não podem faltar

Pontos que não podem faltar em um regulamento de pousada

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Um local sem regras está sujeito a problemas, não é mesmo? Especialmente se receber diversas pessoas diferentes por dia, que entram e saem do estabelecimento em grande parte do tempo, como é o caso dos meios de hospedagem. 

Para evitar que isso aconteça, ter um regulamento é fundamental para o bom funcionamento do local e para que todos convivam de forma harmoniosa.

À vista disso, se você não está familiarizado com o assunto ou ainda não conta com esse documento em sua pousada, fique tranquilo.

No texto de hoje, vamos explicar o que é um regulamento de pousada, a importância de criá-lo e quais pontos não podem faltar.

Confira.

Regulamento de pousada: o que é?

Basicamente, é um documento que lista as normas do local e que devem ser cumpridas seja pelos hóspedes, colaboradores ou por quem esteja diretamente ligado ao negócio. 

Além de promover uma boa convivência entre todas as pessoas envolvidas na pousada, o regulamento ajuda a padronizar ações e medidas, assim como, possíveis transtornos com os hóspedes. 

Sendo assim, é fundamental que esse documento seja de fácil compreensão e que o hóspede receba uma cópia no momento da reserva.

Desta maneira, você garante que as regras estão sendo comunicadas se tornando do conhecimento de todos.

Pontos que não podem faltar em um regulamento de pousada

Cada pousada estabelece suas próprias regras, entretanto algumas são consideradas quase obrigatórias para garantir que todos tenham uma boa convivência. Entre elas, podemos destacar:

Horários

  • Definição de horário de check-in e check-out dos hóspedes;
  • Determinação dos horários das refeições: café da manhã, almoço e jantar (caso sejam oferecidos);
  • Estabelecimento dos horários de descanso: aqueles em que as pessoas precisam diminuir o barulho;
  • Definição do horário de uso de churrasqueira, sauna, piscina e outros espaços, inclusive da recepção.

Limpeza das acomodações

  • Horário em que é feita a limpeza e a arrumação dos quartos;
  • Regras sobre as trocas de roupas de cama, toalhas, travesseiros e outros itens;
  • Política da reutilização de toalhas (caso a pousada adote essa ação).

Informações gerais

  • Early check-in;
  • Late check-out;
  • Cancelamento ou alteração de reservas;
  • Formas de pagamento;
  • Acesso a internet;
  • Áreas para fumantes;
  • Áreas para pets;
  • Taxas extras cobradas;
  • Uso de áreas comuns;
  • Trajes permitidos em áreas comuns;
  • Estacionamento;
  • Acompanhantes;
  • Danos e reparos;
  • Objetos esquecidos ou perdidos.

Sendo assim, esses são os principais tópicos que você não deve deixar de fora do regulamento de pousada

Mantenha a atenção

Deste modo, vale destacar que é essencial listar os serviços oferecidos no seu estabelecimento e incluir as regras sobre cada um, assim você garante que todos os pontos foram abordados e comunicados ao hóspede, minimizando possíveis problemas por falta de aviso.    

Além disso, conte com a ajuda de um advogado para analisar cada tópico do regulamento da pousada. Em caso de qualquer imprevisto com os hóspedes, você também pode acioná-lo.

Lembre-se que o tempo passa e as coisas mudam, por isso reveja periodicamente as regras estabelecidas e altere sempre que for preciso, mantendo-as atualizadas.

E você, estabelece alguma regra em sua pousada que não abordamos aqui? Fique à vontade para compartilhar com a gente aqui nos comentários!

Você também pode gostar de ler: Direito do consumidor no hotel: o que você precisa saber para proteger o seu hóspede

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×
Share: