faculdade de hotelaria

Faculdade de Hotelaria, tudo o que você precisa saber

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Apesar da crise nos últimos tempos, o crescimento constante do cenário hoteleiro continua evidente. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Estado de São Paulo (ABIH-SP), o faturamento do setor no ano de 2018 foi de R$ 7,45 bilhões em diárias e R$ 1,53 bilhão em alimentos e bebidas.

Para 2019, as expectativas são ainda maiores. E como consequência da expansão do segmento, mais investidores são atraídos a injetar verba nesta economia e novos profissionais se qualificam para entrar no mercado.

É natural para quem está entrando na área, ou até mesmo quem busca especialização, ficar em dúvida sobre qual é a melhor forma de construir uma carreira. Por isso, hoje vamos falar sobre a faculdade de hotelaria e tudo o que esse curso pode oferecer para quem pretende ingressar neste segmento promissor.

Continue a leitura e confira!

Hotelaria vs Hotelaria e Turismo

A primeira coisa que o futuro estudante deve saber é: o curso de Hotelaria e o de Turismo são diferentes. Apesar de muitos acharem que são praticamente a mesma coisa, abordam matérias distintas e possuem algumas particularidades, vejamos:.

Hotelaria

O profissional de hotelaria é responsável pela direção de estabelecimentos como hotéis, resorts, pousadas, flats e spas. Seu trabalho está ligado aos serviços de acomodação, alimentação, recreação e lazer.

É ele quem contrata, orienta e supervisiona colaboradores, cuida das questões financeiras, organiza as compras e mantém as instalações funcionando adequadamente.

É fundamental que esse profissional também domine outros idiomas, principalmente o inglês, já que em alguns momentos também precisará lidar com público estrangeiro.

Faculdade de Hotelaria

O curso de Hotelaria pode ser encontrado em duas modalidades: tecnólogo e bacharel. Entre os principais assuntos abordados estão: a gestão de alimentos e bebida, a gestão de qualidade, administração, marketing, e princípios de viagens e turismo em parâmetros nacionais e internacionais.

Onde estudar

Entre as instituições que ofertam o curso no país podemos destacar: a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) – oferece o curso de maneira gratuita, mas exige a participação do candidato no ENEM e no Sisu (Sistema de Seleção Unificada), o Centro Europeu, a Unip, a Estácio e a Anhembi Morumbi.

Uma possibilidade para quem quer cursar a faculdade de hotelaria, mas não tem condições financeiras de arcar com as mensalidades, é optar pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Médio e Emprego (Pronatec). Essa iniciativa do governo federal oferece formação técnica e profissional gratuita em instituições como Senac, Senai, Sesc e Sesi, institutos federais e estaduais de educação, em 120 cidades brasileiras. São oferecidas vagas, tanto em cursos presenciais, como em cursos a distância.

O Catálogo Nacional de cursos Técnicos do MEC, por exemplo, divide em sete categorias os cursos da área, sendo:

  • Técnico em Agenciamento de Viagem
  • Técnico em Cozinha
  • Técnico em Eventos
  • Técnico em Guia de Turismo
  • Técnico em Hospedagem
  • Técnico em Lazer
  • Técnico em Serviço de Restaurante e Bar

Neste material desenvolvido pelo MEC, é possível ver todos os detalhes sobre cada um dos cursos oferecidos.

Onde atuar

As principais oportunidades de trabalho para os profissionais formados em Hotelaria vem de hotéis, flats, pousadas e apart-hotel. Além de empresas que trabalham em conjunto com as redes de hospedagem, como os parques temáticos, áreas de lazer e eventos. Entre as áreas, pode-se destacar:

Administração: gerencia estabelecimentos de hospedagem, além das áreas de recepção de hospitais, shopping centers, bancos e clínicas médicas. Também estão aptos a supervisionar tarefas ligadas à operação e à manutenção desses locais, como limpeza, reservas e serviço. Além de organizar todos os serviços oferecidos aos hóspedes e clientes.

Planejamento: planeja a construção de estabelecimentos de hospedagem com base no potencial turístico do local, sua localização e infraestrutura.

Concierge: orienta os hóspedes e presta assistência em assuntos relacionados a reservas de restaurantes, ingressos para shows, eventos e espetáculos, passeios, locais para conhecer, entre outros.

Gastronomia: coordenar a preparação de refeições em hotéis, pousadas e até mesmo restaurantes, sendo o responsável pela criação dos cardápios e da contratação da equipe.

Hotelaria e Turismo

o profissional com formação em hotelaria e turismo é responsável por planejar, organizar, promover e divulgar viagens, eventos e atividades de lazer e de negócios. Além disso, é ele quem coordena os serviços necessários para o bom funcionamento de hotéis, pousadas, resorts e outros estabelecimentos ligados ao turismo.

Entre as atividades que fazem parte da sua rotina estão:

  • Fazer contratações, orientar e supervisionar os funcionários;
  • Administrar empresas turísticas;
  • Gerenciar viagens, exposições e congressos;
  • Organizar eventos como feiras, congressos, exposições, convenções e tudo o que envolve sua infraestrutura – desde estrutura até acomodação, alimentação, segurança e transporte de participantes.

Faculdade de Hotelaria e Turismo

O curso superior em Hotelaria e Turismo hoje é oferecido em duas modalidades: bacharelado, com duração de três a quatro anos, ou no formato tecnólogo, com duração média de dois anos, sendo possível cursá-lo presencialmente ou a distância. Como o próprio nome sugere, a faculdade de hotelaria e turismo é mais completa do que a faculdade de hotelaria. Isso porque, além da hospitalidade, o curso engloba outras áreas do turismo.

Algumas matérias fundamentais que os estudantes irão aprender durante a faculdade de hotelaria e turismo estão relacionadas a hospedagem, gerência de alimentos e bebidas, administração, relações públicas e marketing. Idiomas como inglês e espanhol também são abordadas na grade curricular, porém é apenas a base, sendo recomendado buscar cursos mais aprofundados para alcançar a fluência necessária em cada um deles.

Como em muitos outros cursos, a faculdade de hotelaria e turismo exige que o aluno faça um estágio supervisionado na área, assim como entregue ao final da graduação o TCC (Trabalho de Conclusão de Curso).

Onde estudar

No país, é possível encontrar algumas instituições que ofertam o curso de hotelaria e turismo, como:

Univali – Campus Balneário Camboriú
A instituição localizada no sul do Brasil forma bacharéis em Turismo e Hotelaria em 08 semestres, em turnos matutino e noturno presencialmente.

OLIMPIO – Escola de Educação Profissional
Localizada no sul do país, a escola oferece o curso profissionalizante de hotelaria e turismo, e o único pré-requisito é ter mais que 14 anos de idade.

PUC Minas
Esta é uma opção para quem deseja se especializar na instituição mineira. É necessário ser graduado para ingressar no curso.

Microlins
A empresa de cursos profissionalizantes oferta os curso de hotelaria e turismo com a possibilidade do aluno estudar também Informática ou Gestão Empresarial.

Senac SP
Conhecido no Brasil todo, oferece diversos cursos na área de hotelaria e turismo em diversos formatos.

Para encontrar todas as faculdades de Hotelaria, e Hotelaria e Turismo ofertadas no Brasil, acesse o Portal do Educa Mais Brasil. Basta digitar o nome da cidade na lista que irão aparecer todas as instituições disponíveis.

Onde atuar

Considerando que nosso país tem um potencial turístico muito vasto, profissionais com o diploma em Hotelaria e Turismo podem atuar em áreas como:

Empresas do segmento: gerenciando e coordenando agências de viagens, restaurantes, casas noturnas e hotéis, companhias aéreas, marítimas, rodoviárias e ferroviárias, parques temáticos, etc;

Consultoria e marketing: pode desenvolver análises de mercado e elaborar estratégias para organizar roteiros em locais que precisam explorar seu potencial turístico através do turismo cultural, rural, ecoturismo, turismo de negócios e eventos;

Prefeituras e órgãos públicos: coordenar a exploração turística de uma região, promovendo e divulgando as atrações locais;

Redes de ensino: com seu conhecimento pode ser professor e ministrar cursos e treinamentos. Vale lembrar que para seguir neste caminho é preciso ter uma ampla formação, sendo pós-graduado, mestre ou até mesmo doutor na área.

tecnólogo x bacharel

Conforme mencionamos, ambas as formações podem ser através de cursos de bacharelado ou tecnólogo.

Enquanto o primeiro modelo tem características mais generalistas por mesclar matérias teóricas e práticas correlacionadas, o segundo está mais focado na prática da profissão. As instituições priorizam aulas realizadas em laboratório que simulam ambientes hoteleiros, ou até mesmo vão a campo nos próprios estabelecimentos, enquanto em sala de aula, o aluno estuda as disciplinas teóricas.

Vale observar também as facilidades que podem ser encontradas em cada uma delas, como financiamentos, descontos, convênios, ProUni e FIES. Em algumas, também é possível ingressar no curso através de descontos e bolsas oferecidos pela própria instituição.

Vale a pena fazer uma faculdade de hotelaria?

É válido analisar que ambas as profissões, apesar de parecidas, possuem particularidades diferentes. Apesar disso, vale a pena ingressar em um bom curso de hotelaria, pois além de ser a base para começar a carreira, ele pode despertar o seu interesse em se especializar cada vez mais na área.

Vale lembrar que, além de uma boa formação, o profissional de hotelaria precisa de habilidades básicas para se comunicar e lidar com o público. Sejam hóspedes, clientes ou fornecedores, é essencial ter empatia e entender as culturas e necessidades de cada um.

Cursou Hotelaria, ou está interessado no curso? Compartilhe conosco suas experiências na área, vamos adorar saber!

Leia também: Hotelaria: tudo o que você precisa saber

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×
Share:
Mais em Profissão Hoteleiro
Vida de Hoteleiro: histórias para inspirar

Que a hotelaria tem lá seus defeitos todo mundo sabe. E essa má fama, muitas vezes acaba assustando,...

Fechar