Vale-a-pena-usar-sites-de-compras-coletivas-para-atrair-hospedes

Vale a pena usar sites de compras coletivas para atrair hóspedes?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Independentemente das estratégias de marketing que você utiliza, o objetivo final ainda é o mesmo: atrair e fidelizar hóspedes! Para isso, existem diversas opções de investimento, como os links patrocinados, parcerias, sites voltados para reservas, agências de viagem, redes sociais, dentre outros.

Neste contexto, podemos também incluir os sites de compras coletivas, um modelo de negócios diferente das parcerias de vendas tradicionais. Este esquema causou uma grande revolução no modelo de compras de diversos itens, incluindo viagens e até mesmo reservas em hotéis, pousadas e hostels.

Contudo, um dilema sempre surge quando o assunto é disponibilizar a oferta destes serviços nos sites de compras coletivas: vale mesmo a pena utilizá-los para atrair hóspedes? É sobre isto que trataremos no artigo de hoje!

Sites de compras coletivas: entenda como funcionam

Antes de julgar se vale ou não a pena investir nas compras coletivas para atrair novos hóspedes, é preciso entender como este tipo de negócio funciona:

Para o consumidor

Basicamente, a ideia é criar um senso de urgência de compra no consumidor através de grandes descontos, em um curto espaço de tempo para cada oferta. Para que o benefício seja concedido, é necessário um número mínimo de compras realizadas.

Para o seu negócio

Você disponibiliza o seu serviço de hospedagem com um percentual de desconto considerável, geralmente entre 40 e 90%, determinando o volume mínimo de compras para que a oferta seja validada. Além disso, você paga um comissionamento ao site, que costuma variar entre 15 e 60% do valor negociado por venda, haja visto que todo o esforço de marketing e vendas fica por conta do site escolhido.

Então… Eu vou perder dinheiro?

Bem, tudo é uma questão de colocar os valores “na ponta do lápis” e ter uma estratégia bem definida. Ao se atentar a algumas questões básicas, o negócio pode ser bastante vantajoso para atrair novos hóspedes ao seu estabelecimento.

Ao que tange a questão dos valores, é necessário considerar que você, provavelmente, já utiliza propostas de parceria similares com agências de turismo, por exemplo: a cada reserva realizada em seu estabelecimento, um comissionamento é realizado pelo esforço de vendas. Da mesma forma ocorre com as compras coletivas. A diferença está na abrangência e visibilidade que estes canais proporcionam, o que assegura a você um volume mínimo de vendas para que a ação seja compensadora – por isso, também, as comissões costumam ser maiores que as parcerias com agências tradicionais.

É preciso calcular, com base no valor real da diária em seu estabelecimento, os custos reais para arcar com a hospedagem, o percentual desconto da oferta e o comissionamento do site de compras coletivas, assegurando também uma margem, mesmo que pequena, de lucro. Mas lembre-se: o ganho está no volume das vendas. Por isso, não seja tão ambicioso para que consiga ter uma certa lucratividade.

Sites de compras coletivas: como fazer valer a pena o investimento

A grande sacada desta estratégia, no entanto, não está na lucratividade da ação em si, mas nos benefícios que ela proporciona ao seu negócio para a atração de hóspedes. Veja dicas sobre como fazer o investimento valer a pena!

1. Escolha cautelosamente os canais da oferta

Existem centenas de sites de compras coletivas no mercado. Quanto maior e mais conhecido o site, maior a base de contatos para a sua oferta. Contudo, maior também será o comissionamento exigido pelo canal. Isso porque estes sites já ganharam a confiança do consumidor e este “detalhe” é fundamental para a marca de sua empresa.

Verifique as opções genéricas e de nicho (específico para viagens) e determine com base nas informações de acessos, volume de vendas, ações de divulgação e valores cobrados para definir os melhores sites.

2. Aproveite a divulgação e a base de contatos gerada pelas vendas

Uma das grandes vantagens desta estratégia é a grande visibilidade que o seu estabelecimento terá, mesmo que nem todos os clientes do site efetivem uma reserva de sua oferta. A outra questão é que, ao montar uma oferta irresistível, você terá um grande volume de vendas, que se tornam contatos para tratativas de relacionamento e novos negócios após o período promocional.

3. Restrinja os períodos de utilização dos cupons

Aqui está um ponto-chave para o sucesso de sua estratégia: nas especificações da oferta, determine os períodos de utilização dos cupons. Opte por datas de baixa temporada, quando o seu estabelecimento não atinge a capacidade máxima de hospedagem. Feriados e período de férias, por exemplo, já são épocas com grande capacidade de reservas preenchidas. Por isso, investir nesta estratégia nestas épocas não é uma boa oportunidade.

4. Sirva bem para fidelizar

Não é porque o cliente pagou menos que ele não mereça o mesmo tratamento dos demais hóspedes. Pelo contrário! É preciso cativá-lo para que ele retorne e indique as acomodações de seu estabelecimento sem depender do intermédio das ofertas de compras coletivas.

Uma boa ideia é oferecer um desconto para uma próxima reserva durante um determinado período após a hospedagem. Mesmo com uma margem de lucro menor, você cativa o cliente e não tem que pagar a taxa para o site.

E você, já utiliza as compras coletivas para atrair novos hóspedes ao seu hotel, hostel ou pousadas? Qual a sua opinião sobre o assunto? Compartilhe-a conosco nos comentários!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×
Share: