Parcerias como estrategia na hotelaria

Parcerias como estratégia na hotelaria

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Trabalhar em parceria é a chave para o sucesso de qualquer pessoa ou empresa. A parceria facilita diversos processos do dia-a-dia, que se fossem realizados de forma individual, demandariam muito esforço ou seriam muito onerosos para o bolso. 

Sabe-se que boa parte dessas parcerias objetivam o desenvolvimento de campanhas conjuntas – como o lançamento de cartões fidelidade unificados, por exemplo -, mas a grande sacada dessa união é poder oferecer um maior número de ofertas dos mais variados tipos.

Recentemente, o número de parcerias estratégicas no mundo hoteleiro tem aumentado de forma surpreendente. Embora os resultados preliminares sejam otimistas quanto ao futuro dessas parcerias, ainda é muito cedo para conclusões finais sobre os reais benefícios dessas uniões.  

Mas engana-se quem acredita que parcerias podem ser realizadas e beneficiam apenas aos grandes conglomerados turísticos. Muito pelo contrário, parcerias entre hotéis e pousadas de pequeno e médio porte apresentam rendimentos muito superiores quando comparadas às grandes redes. Veja algumas vantagens de criar uma rede de parcerias.

Posicionamento no mercado ocorre de forma mais consolidada 

Com um grupo de empresas hoteleiras, é possível fechar acordos e criar meios para captar e manter um número maior de hóspedes. 

Possibilidade de ofertas mais abrangentes 

Imagine um grupo de hotéis espalhados pelo mundo. Com certeza, as chances dessa parceria captar hóspedes de outros países aumenta se naquele país houver uma parceira trabalhando de forma conjunta com o seu hotel. 

Redução dos investimentos em marketing 

Quando se tem um grupo, o volume de aquisições de marketing tende a aumentar. No entanto, quanto maior o volume de materiais de marketing maior, é o poder de negociação do preço, o que barateia significantemente o investimento em marketing. 

Capacidade de competir com grandes redes hoteleiras 

Em grupo, é possível oferecer os mesmo benefícios que grandes redes hoteleiras oferecem. Nesse caso, a união faz a força, como já dizia a célebre frase do romance escrito pelo francês Alexandre Dumas. 

Criação de grupo de compras que barateiam produtos e serviços 

Segue a mesma linha de raciocínio do marketing, só que neste caso, entram todos os produtos e equipamentos necessários em cada empreendimento hoteleiro e seus parceiros. 

Possibilidade de criação de grupos de investimentos 

Você queria reformar o seu empreendimento mas estava sem dinheiro? Os grupos de investimentos formados por parceiros são uma solução incrível para modernizar e fazer aquisições que antes não seriam possíveis. 

Melhores resultados operacionais 

Com a melhora significativa nos demais pontos do seu empreendimento, em pouco tempo você conseguirá ver resultado mais eficazes, tanto no setor administrativo quanto no operacional, que contarão com a troca de experiências entre os funcionários de cada estabelecimento parceiro. 

Mas nem tudo são flores no mundo das parcerias. Há de se levar em conta o lado negativo das parcerias, que se não administrado pontualmente, pode leva-lo a uma estagnação ou mesmo infelicidade com o seu empreendimento hoteleiro. Alguns pontos negativos são: 

  • Padronização da marca;

  • Falta de liberdade para a tomada de decisões;

  • Aquisição de produtos pelos quais não se havia interesse anterior; 

  • Suporte para parceiros mais fracos;

  • Desvio dos objetivos iniciais.

Mas sabendo administrar e colocando na balança os dois lados dessa moeda, ainda é possível afirmar que a parceria oferece muito mais benefícios do que malefícios. Cabe a você decidir qual o melhor caminho a ser traçado. 

E você? Já realizou alguma parceria no seu empreendimento hoteleiro? Qual a sua experiência? Conta para nós deixando um comentário.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×
Share: